Inep forma comissão para preparação de provas do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes

Portal INEP • 26 de julho de 2019

Uma comissão de assessoramento técnico, de caráter consultivo, foi instituída para dar suporte ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) na realização do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) em 2019. Os especialistas, já designados em portaria publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 25 de julho, vão apoiar o Inep principalmente na revisão das provas. A atuação da comissão contribui por ser um olhar externo para a avaliação a respeito da adequação da prova aos objetivos do exame.

A comissão é responsável por fornecer suporte teórico e capacitação para os eventos de formação que subsidiam a elaboração das diretrizes e matrizes de prova; revisar, adaptar ou criar os itens que vão compor o exame; e adaptar ou criar itens para os diversos formatos de prova que visam atender às singularidades pedagógicas de alunos público-alvo da educação especial no ensino superior.

A comissão de assessoramento técnico apoia o Inep na revisão das provas, previamente elaboradas pelas comissões assessoras de áreas. Já as questões que formam a prova são elaboradas e revisadas por professores de todo o país, selecionados por edital, e ficam armazenadas no Banco Nacional de Itens da Educação Superior (BNI-ES). As comissões assessoras de áreas, entretanto, têm novo acesso às provas após todo o processo de revisão para assegurar a adequação das questões. O trabalho de todos esses especialistas segue rígidos protocolos de segurança.

A comissão de assessoramento técnico não é novidade no Enade, mas, pela primeira vez, foi nomeada por portaria. Anteriormente, os representantes eram designados por meio de nota técnica. A escolha dos membros foi discricionária, porém baseada em uma série de critérios listados na portaria. Neste ano, são 11 representantes, todos com atuação em Brasília, devido ao caráter de urgência de algumas demandas.

Os integrantes da comissão são doutores ou mestres, sendo admitida a participação de especialistas em casos específicos. Esses membros precisam comprovar experiência na composição de instrumentos de avaliação, preferencialmente nos moldes dos exames do Inep, ou experiência em adaptação de itens de provas regulares para os formatos Braille e ledor.

Enade 2019 – Este ano serão avaliados os estudantes dos cursos de bacharelado em Ciências Agrárias, Ciências da Saúde e áreas afins; Engenharias e Arquitetura e Urbanismo; bem como dos cursos superiores de tecnologia nas áreas de ambiente e saúde, produção alimentícia, recursos naturais, militar e segurança. As provas serão aplicadas em 24 de novembro.

O Enade tem por objetivo avaliar o desempenho dos estudantes com relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos de graduação e superiores de tecnologia. A inscrição dos estudantes é responsabilidade dos coordenadores de curso e deve ser feita até 11 de agosto.

Notícia publicada no site PORTAL INEP, em 25/07/2019, no endereço eletrônico: https://bit.ly/2K4BIlu


Restrito - Copyright © Abrafi - Todos os direitos reservados