Alexandre Avelino é o novo diretor de gestão do Inep

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO • 14 de maio de 2021

Fonte da Notícia: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
Data da Publicação original: 13/05/2021
Publicado Originalmente em: https://www.gov.br/mec/pt-br/assuntos/noticias/alexandre-avelino-e-o-novo-diretor-de-gestao-do-inep

INSTITUCIONAL

A Diretoria de Gestão e Planejamento (DGP) do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) tem novo diretor. Alexandre Avelino Pereira foi nomeado em portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) da última terça-feira, 11 de maio. Na carreira de Especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental (EPPGG), a trajetória profissional do novo gestor é marcada pela atuação com planejamento, orçamento e finanças públicas. Alexandre é graduado em Relações Internacionais, pela Universidade de Brasília (UnB); especialista em Direitos Humanos e Assistência a Vítimas e Testemunhas Ameaçadas, pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); e mestrando em Administração Pública, com ênfase em Finanças Públicas, pela Cornell University, dos Estados Unidos.

O novo diretor atua no serviço público federal desde 1996 e é servidor efetivo desde 2006. Antes de assumir o cargo no Inep, Alexandre Avelino atuava, desde 2016, como coordenador-geral de Orçamento, Finanças e Contabilidade na Escola Nacional de Administração Pública (Enap). Entre outras atribuições, o gestor foi idealizador, programador e implementador do painel de execução orçamentária e financeira do órgão.

Antes, como coordenador-geral de Planejamento e Orçamento e coordenador-geral de Execução Orçamentária da Presidência da República, foi responsável pela elaboração anual das propostas orçamentárias, relatórios de gestão ao TCU, revisão, monitoramento e avaliação dos planos plurianuais. Também conduziu o processo de equipagem dos conselhos tutelares, nos quais foram conduzidos processos de compras nacionais para montagem dos kits, com a utilização de emendas parlamentares. Foi também corresponsável no processo de reestruturação institucional de cargos e funções da Secretaria de Direitos Humanos.

Alexandre Avelino Pereira tem ainda, em sua trajetória profissional, passagem pelo então Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão e pelo Ministério da Justiça, onde, já na carreira de EPPGG, foi responsável pelo planejamento e a execução orçamentária do Sistema Nacional de Proteção a Testemunhas e organizador e compilador do Manual do Agente Executor do Sistema Nacional de Proteção a Testemunhas.

Perspectivas – Para a nova função que passa a exercer a partir desta terça-feira, como diretor de Gestão e Planejamento do Inep, Alexandre Avelino reconhece que serão muitos os desafios, mas reforça estar convicto de que terá muito a contribuir. “Dou um passo muito importante na minha carreira assumindo a gestão de uma área de tamanha relevância para o Inep. Minha missão aqui é dar todo o suporte para a presidência do Inep levar ao Ministério da Educação os subsídios necessários para a melhor condução dos processos”, enfatizou o novo diretor.

Competências – A DGP é um dos órgãos seccionais na estrutura do Inep. É sua competência planejar, coordenar, orientar e controlar a execução das atividades relacionadas aos sistemas federais de planejamento e de orçamento, de administração financeira, de contabilidade, de organização e modernização administrativa, de recursos humanos e de serviços gerais. Outras competências da DGP são planejar e promover a realização de programas e projetos com vistas ao desenvolvimento profissional, à melhoria da qualidade de vida e à valorização dos servidores; e planejar, coordenar e acompanhar a execução das atividades inerentes à gestão de aquisições, patrimônio e almoxarifado do Inep.

Pelo Regimento Interno do Inep, a DGP ainda é responsável por coordenar, supervisionar e acompanhar a execução das atividades de prestação e tomada de contas dos recursos transferidos pelo Inep; articular com agentes internos e externos a viabilização orçamentária e financeira das ações educacionais e dos investimentos estratégicos do Inep; coordenar e acompanhar a elaboração da tomada e da prestação de contas anual do Inep, na forma e no prazo estabelecidos em lei; e operacionalizar a logística, padronizar os procedimentos, dar suporte aos processos e realizar as atividades de monitoramento e a capacitação dos recursos humanos envolvidos na aplicação dos instrumentos de avaliação do Inep.

Mudanças – A presidência do Inep reconhece e torna público seu agradecimento à contribuição de Murillo Gameiro ao Inep, que conduziu a DGP com responsabilidade e competência desde junho de 2019.


Restrito - Copyright © Abrafi - Todos os direitos reservados