Governo destaca Programa de Combate a Epidemias da CAPES

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO • 24 de junho de 2021

Fonte da Notícia: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
Data da Publicação original: 24/06/2021
Publicado Originalmente em: https://www.gov.br/mec/pt-br/assuntos/noticias/governo-destaca-programa-de-combate-a-epidemias-da-capes

O governo federal destacou o Programa de Combate a Epidemias da CAPES no relatório “900 dias: nos trilhos na preservação de vidas e da retomada da economia”. O documento traz ações tomadas de 11 março a 19 de junho no enfrentamento ao novo coronavírus e foi divulgado para marcar os 900 dias da atual gestão do País.

A CAPES já investiu R$53,7 milhões e concedeu 1.959 bolsas por meio do Programa de Combate a Epidemias. A iniciativa tem a finalidade de incentivar estudos voltados à prevenção e ao enfrentamento à COVID-19 e outras doenças. O total previsto são R$200 milhões e 2.600 bolsas.

O fomento à pesquisa e à formação de pessoal se soma a outras medidas tomadas pela Fundação. Um exemplo é a prorrogação por até seis meses do prazo de vigência das bolsas ativas de mestrado e doutorado no País, ainda em andamento. Já foram beneficiados 36.536 bolsistas, de acordo com o relatório do Sistema de Controle de Bolsas e Auxílios (SCBA), datado de 12 de maio.

Coordenadores de programas de pós-graduação (PPGs) também foram beneficiados por prorrogações de prazo. Eles tiveram até 14 de junho para prestarem as informações de desempenho de prazo do Coleta. Este é o sistema responsável pelo recebimento dos dados relativos aos 6,9 mil cursos dos programas de pós-graduação de 460 Instituições de Ensino Superior.

Soma-se a isso seu papel na educação a distância (EaD), fundamental para continuar o ensino durante a pandemia. O Curso on-line Alfabetização Baseada na Ciência (ABC) abriu mais 20 mil vagas. A capacitação, que já tem 180 mil participantes, é oferecida aos profissionais da educação que atuam na alfabetização e estudantes de licenciatura. A iniciativa faz parte do Programa Tempo de Aprender. A capacitação é resultado da cooperação internacional entre a CAPES, a Secretaria da Alfabetização (Sealf/MEC), e as instituições portuguesas Universidade do Porto, Instituto Politécnico do Porto e Universidade Aberta de Portugal (UAb).


Restrito - Copyright © Abrafi - Todos os direitos reservados